Governador e SSP anunciam criação de Baep e Deic em São Bernardo

Foto: Nathalia Pagliarin

 

Assinatura do protocolo de intenções aconteceu terça-feira (15); unidades farão parte de um Centro de Operações Integradas de Combate ao Crime

 

 

Por Nathalia Pagliarini

 

O governador João Doria e o secretário da Segurança Pública, general João Camilo Pires de Campos, anunciaram a criação do primeiro Centro de Operações Integradas de Combate ao Crime (COICC) de São Bernardo do Campo, que contará com um Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep) e uma Delegacia de Investigações Criminais (Deic).

 

A assinatura do protocolo de intenções com o município aconteceu na tarde desta terça-feira (15), durante a inauguração do primeiro restaurante Bom Prato da cidade, que fica ao lado do prédio cedido pela prefeitura para abrigar o futuro COICC, na avenida Redenção, 271.

 

Durante o evento, o governador destacou que o centro de operações será um novo modelo da Secretaria da Segurança Pública, integrando durante 24 horas as operações das polícias Civil e Militar, além da Guarda Civil Municipal. “Quando o COICC for inaugurado, daremos mais uma demonstração articulada e organizada contra o crime. Nós precisamos dar à população a sensação de segurança e a certeza de que podem confiar nas polícias de suas cidades”.

 

Na cerimônia, o general Campos aproveitou a oportunidade para agradecer ao governador pela gestão que estabeleceu objetivos que estão sendo concretizados com a criação do COICC. “Integrar talvez seja o verbo mais importante hoje e estamos dando um enorme e significativo passo. Valorizar a instituição de um batalhão e uma delegacia especializados reconhece também o profissional de segurança pública. Instalações decentes, processos estabelecidos, estímulo e reconhecimento desses policiais vão de encontro com o queremos”.

 

Já o prefeito da cidade, Orlando Morando Júnior, discursou sobre a importância do COICC para São Paulo como um todo. “Nós iremos entregar um Estado mais seguro para a população. Vamos enfrentar o crime como tem que ser enfrentado, com austeridade, coragem e investimento.”

 

Operação São Paulo Mais Seguro

 

Durante o evento, Doria também anunciou a segunda edição da Operação São Paulo Mais Seguro, da Polícia Militar, iniciada na madrugada desta terça-feira (15).

 

A ação, prevista para terminar na madrugada de quarta-feira (16), tem a finalidade de combater a criminalidade, em especial crimes contra o patrimônio. Para isso, a operação conta com 20.200 policiais militares, 8.228 viaturas, além de 3.048 pontos de ações policiais.

 

A última operação São Paulo Mais Seguro aconteceu em 2 de janeiro. Na ocasião, a ação resultou em 19.360 abordagens e 128 pessoas detidas. A inciativa também permitiu a recuperação de 43 carros roubados ou furtados. Fonte: SSP SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: