TV NEWS

Dono de estacionamento onde carga avaliada em R$ 400 mil foi encontrada deve ser investigado, diz polĂ­cia

.

Por Redação em 15/05/2024 às 06:35:15
Vinte toneladas de estrutura metálica estavam no local. Material desapareceu e motorista chegou a registrar falsa comunicação de crime. Carga que saiu de Franca para MG é encontrada em Ribeirão Preto e motorista no Guarujá

O dono do estacionamento onde uma carga de 20 toneladas de estrutura metálica de arquibancadas para eventos foi encontrada deve ser investigado pela Polícia Civil, de acordo com o delegado Targino Osório.

A polícia chegou até o local, em Ribeirão Preto (SP), na noite de segunda-feira (13), após o dono da carga ser avisado por uma pessoa, que reconheceu as estruturas de ferro. (veja mais abaixo)

Siga o canal g1 Ribeirão e Franca no WhatsApp

Segundo Targino, a suspeita é de que, além do motorista do caminhão, que deveria levar a carga de Franca (SP) para Pedro Leopoldo (SP), mais pessoas estejam envolvidas no desaparecimento do material. O homem chegou a registrar falsa comunicação de crime.

"Ali é um estacionamento particular, um espaço para caminhões. Obviamente nós vamos ouvir o proprietário desse imóvel para saber dele quais os dados que ele tem da pessoa que deixou esse caminhão no local, se foi feito pagamento anteriormente".

Ainda segundo Targino, a falsa comunicação de crime vale para despistar investigações e para que bandidos consigam roubar cargas sem que sejam descobertos.

"É pré-estabelecido. Eles têm um caminhão, arrumam um caminhoneiro, o caminhoneiro vai neste local, pega essa carga e depois grita um furto, normalmente em São Paulo ou na Baixada Santista. Essa carga já é desviada no momento que sai do local, não vai para o destino".

LEIA TAMBÉM

Família encontra cão que a salvou de incêndio em Ribeirão Preto: 'a gente nem acreditou'

Jovem agredida ao ter moto roubada é alvo de golpistas ao tentar recuperar veículo em Franca

Mulher achou que homem precisava de ajuda antes de acelerar carro e escapar de assalto em Ribeirão Preto

Ainda segundo Targino, a ideia é jogar a competência da investigação para diferentes locais, atrapalhando o trabalho da polícia.

"Neste caso, a competência é de Franca e eles jogam um roubo que não aconteceu lá para o Guarujá. Eles ficam fazendo uma espécie de gincana, jogando pra lá e pra cá, pra tornar difícil a investigação".

Dono de carga desconfiou da demora para chegar no destino

À EPTV, afiliada da TV Globo, o dono da carga revelou que assim que as 20 toneladas de estrutura metálica saíram de Franca, passou a manter contato com as pessoas que iriam receber o material na cidade mineira e começou a desconfiar quando pedia informações ao motorista.

"Falando com o dono do caminhão, ele me relatando que a carga ia chegar no dia seguinte, ia chegar, que o caminhão teve problema. Vi que no fundo não adiantava mais, foi onde fui na polícia fazer o boletim de ocorrência e constatar o caso de que, possivelmente, essa carga teria sido extraviada".

Segundo ele, a viagem deveria durar apenas um dia. O caminhão saiu de Franca no dia 29 de abril e a comunicação falsa de roubo foi registrada no dia 3 de maio.

"Ao carregar a carga e ela seguir viagem, fui monitorando o pessoal que estava esperando a carga e ela não chegava, não chegava. E eu sempre falando com o possível dono do caminhão, que me apresentou todas as documentações de carreta, cavalo, carta do motorista, comprovante de residência. No final, a gente foi tomando ciência que era tudo documento falso".

Dono de empresa em Franca (SP) tentou contato com motorista suspeito de desviar carga

Marcelo Moraes/EPTV

A vítima foi avisada por uma pessoa que passou pela Rodovia Anhanguera e reconheceu o material da empresa.

Agora, o proprietário diz que vai investir em segurança, para que casos assim não aconteçam mais.

"Vamos ter de tomar medidas. Seguro de carga existe, mas é negócio caro. Vamos gastar e rastrear o material, isso só vai aumentando os custos. A gente depende do transporte de terceiro, uso bastante essas carretas e a gente coloca uma pessoa dentro da nossa empresa pra fazer o carregamento e não sabe se vai chegar ao destino. Mesmo que a gente pegue todos os documentos possíveis, hoje a gente não sabe o que é certo, o que é errado, o que é falso e o que é verdadeiro".

Motorista contratado é suspeito de desviar carga

O motorista contratado pelo dono da empresa é suspeito de desviar a carga de 20 toneladas de estrutura metálica de arquibancada para eventos avaliada em R$ 400 mil. Segundo a Polícia Civil de Ribeirão Preto, ele fez uma falsa comunicação de roubo no dia 3 de maio.

No boletim de ocorrência, o homem disse que na noite de 2 de maio, quando passava na altura do km 5 da Rodovia Ronan Rocha (SP-345), foi fechado por uma caminhonete e criminosos armados teriam ordenado que ele deixasse o caminhão e entrasse no veículo.

Ele também disse que ficou sob a mira dos supostos criminosos por horas, enquanto a caminhonete seguia pela rodovia até que pararam em um posto de combustível.

Posteriormente, ele descobriu que tinha sido levado para o Guarujá (SP). O caso foi comunicado no 2Âș Distrito Policial da cidade litorânea, mas será investigado em Ribeirão Preto.

Carga de 20 toneladas de estrutura metálica avaliada em R$ 400 mil foi encontrada em Ribeirão Preto, SP

Divulgação

Veja mais notícias da região no g1 Ribeirão Preto e Franca

VÍDEOS: Tudo sobre Ribeirão Preto e região
Comunicar erro
SPJ JORNAL 2