TV NEWS

Julgamento de Alec Baldwin por morte de diretora em set começa hoje

A partir desta terça-feira, no Novo México, EUA, um júri irá deliberar se Alec Baldwin é culpado de homicídio culposo pela morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins, ocorrida em 21 de outubro de 2021.

Por Redação em 09/07/2024 às 05:28:37

A partir desta terça-feira, no Novo México, EUA, um júri irá deliberar se Alec Baldwin é culpado de homicídio culposo pela morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins, ocorrida em 21 de outubro de 2021. Durante um ensaio no set do filme "Rust", Baldwin manuseava uma arma que, erroneamente carregada com munição real, disparou acidentalmente, matando Hutchins e ferindo o diretor do filme.

A acusação alega que Baldwin desrespeitou normas de segurança da indústria cinematográfica ao manusear a arma. Os promotores destacam que o ator não deveria ter colocado o dedo no gatilho até estar pronto para atirar e nunca deveria ter apontado a arma para outra pessoa. A defesa de Baldwin argumenta que ele foi informado de que a arma estava "fria", ou seja, sem munição real, e que ele não sabia do risco envolvido.

O caso também envolve a armeira do filme, Hannah Gutierrez-Reed, que já foi condenada por homicídio culposo. A defesa de Baldwin culpa Gutierrez-Reed e o assistente de direção Dave Halls pela falha em verificar adequadamente a arma.

[Legenda]© Getty

O julgamento, que deve durar cerca de duas semanas, será transmitido ao vivo e contará com depoimentos de membros da equipe de produção de "Rust" e especialistas em segurança de armas. Baldwin declarou-se inocente e negou qualquer responsabilidade pela morte de Hutchins.

Leia Também: Alec Baldwin será julgado por homicídio culposo por tiroteio em 'Rust'

Tags:   Fama
Comunicar erro
SPJ JORNAL 2