TV NEWS

'Trabalho de formiguinha': policial penal Ă© suspeito de vender celulares a detentos de presĂ­dio da Grande BH

.

Por Redação em 10/07/2024 às 05:20:55
Agentes perceberam 'comportamento estranho' do colega e decidiram abordá-lo. O homem assumiu que tinha três aparelhos escondidos na roupa para serem entregues a um preso. Policial penal é preso por suspeita de vender celulares a detentos de presídio da Grande BH

Reprodução

Um policial penal foi preso, nesta quarta-feira (9), por suspeita de vender celulares a detentos do Presídio Antônio Dutra Ladeira, em Ribeirão das Neves, na Grande BH. Segundo a Polícia Penal, o homem confessou que fazia o "trabalho de formiguinha" na unidade (entenda abaixo).

De acordo com o boletim de ocorrência, agentes penitenciários perceberam um "comportamento estranho" do colega, que estava nervoso e inquieto, e decidiram abordá-lo. Ao ser questionado, o homem assumiu que tinha três aparelhos escondidos na roupa para serem entregues a um preso.

Ele também admitiu que guardava outros materiais proibidos dentro do carro dele, como uma réplica de pistola, e que havia feito o "trabalho de formiguinha" — levar produtos ilegais em pequena quantidade para os presidiários — mais vezes. Conforme o suspeito, cada celular era vendido por R$ 7 mil.

Ao todo, foram apreendidos oito telefones, 13 carregadores, vários fones de ouvido, uma garrafa de whisky e a arma falsa. O g1 procurou a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) para um posicionamento e aguarda resposta.

Os vídeos mais vistos do g1 Minas:
Comunicar erro
SPJ JORNAL 2