Agencia Bina

Novartis vai auxiliar na fabricação de vacina da CureVac contra a Covid-19

Por Por Redação em 08/03/2021 às 15:29:57
Foto: Igor Shimabukuro

Foto: Igor Shimabukuro

Em busca de expandir seu apoio global contra o novo coronavírus, o grupo farmacêutico Novartis anunciou um acordo com a biofarmacêutica CureVac. A companhia vai auxiliar na produção de uma nova candidata a vacina contra a Covid-19: a CVnCov. A expectativa é de que sejam fabricadas 50 milhões de doses até o fim de 2021 e mais de 200 milhões de unidades no ano que vem.

A CVnCov utiliza RNA mensageiro. Essa técnica consiste em inserir o código genético do novo coronavírus em uma cápsula de gordura que, uma vez aplicada no indivíduo, induz seu sistema imunológico a produzir proteínas específicas do microrganismo. Elas, então, são identificadas como agentes estranhos pelo organismo humano, que produz anticorpos contra elas.

Com o contrato, a Novartis fica responsável por produzir os insumos para a fabricação da CVnCov, enquanto a CureVac cuida dos processos finais e do envase. Os preparativos para a produção, os testes e a transferência de tecnologia já estão em andamento.

Segundo a Novartis, a produção deve começar no segundo trimestre. "Sentimos que é nossa responsabilidade fazer tudo ao nosso alcance para ajudar [no combate à Covid-19]", afirma Steffen Lang, chefe global de operações técnicas da Novartis.

Ilustração de fabricação de vacinas contra a Covid-19

Produção das vacinas deve começar no segundo trimestre. Foto: Mike Mareen

Outras ações

O acordo com a CureVac é apenas uma das medidas anunciadas pela Novartis no combate à Covid-19. O grupo já tem um contrato com a BioNTech para fornecer capacidade de fabricação para a vacina desenvolvida pelo laboratório em parceria com a Pfizer. Além disso, se uniu ao Massachusetts Eye and Ear e ao Massachusetts General Hospital para produzir outra candidata a vacina contra a Covid-19, a AAVCOVID8.

Outras ações da Novartis envolvem doações a comunidades afetadas pela pandemia, apoio em iniciativa de pesquisas e desenvolvimento de medicamentos orais contra diferentes coronavírus, entre eles o causador da Covid-19.


Fonte: Olhar Digital

Comunicar erro

Comentários

FASULMG 780 X 100