PM morre após confronto com criminosos em assalto na Pavuna, na Zona Norte do Rio

Foto: Foto: Reprodução/Redes sociais

Cabo Rodrigo Queto Sardinha, de 33 anos, levou um tiro na cabeça e não resistiu. Agente seguia para o trabalho junto com o irmão, que também é policial, quando foram abordados.

 

Um policial militar morreu, após ser atingido por um tiro na cabeça, ao reagir a um assalto na Estrada Rio do Pau, na Pavuna, Zona Norte do Rio, no início da manhã desta segunda-feira (10).

De acordo com a Secretaria de Estado de Polícia Militar, o agente Rodrigo Queto Sardinha, de 33 anos, era lotado na Unidade de Polícia Pacificadora da Providência, no Centro, e estava a caminho do trabalho junto com o irmão, que também é policial militar.

Quando o veículo do agente estava próximo à Igreja de Santo Antônio, criminosos armados anunciaram o roubo e houve confronto entre os agentes e os bandidos. Rodrigo foi baleado na cabeça e levado para o Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes, mas – segundo a direção da unidade de saúde – já chegou morto ao local.

Após o tiroteio, o irmão do policial enviou um áudio à corporação para avisar que Rodrigo havia sido baleado e que um dos criminosos também teria sido atingido. O policial informa que os criminosos atiraram contra o carro em que ele e o irmão estavam e que os agentes reagiram em seguida.

A Delegacia de Homicídios da Capital investiga as circunstâncias da morte do agente. Em nota, a Polícia Militar lamentou o ocorrido e afirmou que Rodrigo era solteiro e estava na corporação desde 2012.

Não havia informações sobre o sepultamento do agente até a última atualização desta reportagem.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: